sábado, 2 de abril de 2011

Em 1982 tinha início a Guerra das Malvinas

Em 2 de abril de 1982, a Argentina atacou as Ilhas Malvinas, ocupadas pelos britânicos desde 1833. Porém, Margaret Thatcher ordenou a retomada e os argentinos foram expulsos.

Um dos últimos resquícios dos tempos imperiais britânicos eram as Ilhas Malvinas (Falkland), Geórgia e Sandwich do Sul, um arquipélago perdido no Atlântico Sul, com algumas centenas de criadores de ovelhas, a cerca de 13 mil quilômetros de distância de Londres.

Havia indícios de existência de petróleo nas Malvinas – as ilhas serviam de base para a exploração de recursos marinhos e de porto intermediário para navegações que seguiam para a Antártida.

No dia 2 de abril de 1982, soldados argentinos dominaram a pequena guarnição britânica nas Malvinas. Era a tentativa do regime militar de desviar a atenção da população da grave crise econômica e unir a nação por meio de um ato patriótico. Inicialmente, os generais pareciam ter atingido os objetivos militar e político – os sindicatos chegaram a suspender uma greve geral contra a Junta Militar.

Argentina subestimou a determinação de Thatcher

Em Londres, governava Margaret Thatcher, mais tarde conhecida como "dama de ferro" do Partido Conservador. Um dia após a invasão da Argentina, ela não deixou dúvidas na Câmara Baixa do Parlamento britânico de que estava disposta a reconquistar as ilhas. A Argentina subestimou a determinação de Thatcher, que contava com amplo apoio da população e até dos partidos da oposição.

O então líder do Partido Trabalhista inglês, Michael Foot – tradicionalmente um pacifista –, defendeu a intervenção armada para retomar o arquipélago com o seguinte argumento: "As garantias dadas pelo exército invasor valem tanto quanto as garantias oferecidas pela mesma Junta Militar aos seus próprios concidadãos. Não se deve esquecer que milhares de argentinos que lutaram por seus direitos políticos foram presos e torturados".

Raramente o Reino Unido foi tão unido como naqueles dias de abril de 1982. As ações militares britânicas começaram em clima de festa, três dias após a invasão, com a mobilização da Marinha e da Aviação. A superioridade militar inglesa foi imbatível em todos os terrenos da guerra naval, aérea e terrestre.

Os generais argentinos também se enganaram quanto às reações internacionais. Por exemplo, a neutralidade passiva de vizinhos latino-americanos, como o Chile e o Brasil. O golpe mais duro para o governo em Buenos Aires foi, porém, o apoio diplomático e militar dos Estados Unidos ao Reino Unido. O serviço de inteligência militar norte-americano manteve as tropas britânicas informadas das ações militares argentinas.

Fim da guerra iniciou desmantelamento do regime militar

Diplomaticamente isolada e militarmente em desvantagem, a Argentina capitulou, depois de dois meses e meio de conflito, no dia 14 de junho de 1982. O fim da guerra representou não só uma derrota nos campos de batalha como também o início do desmantelamento do regime militar argentino. Margaret Thatcher, que antes da guerra era uma das mais rejeitadas líderes de governo da história britânica, foi festejada como heroína.

Na Argentina, o general Leopoldo Galtieri renunciou, em julho, sob uma onda de manifestações populares contra a ditadura. Seu sucessor, o general Reynaldo Bignone, iniciou as negociações para devolver o poder aos civis. O candidato da União Cívica Radical (UCR), Raul Alfonsín, venceu as eleições presidenciais de dezembro de 1983.

Três anos depois, os chefes militares das Malvinas foram condenados a penas de 8 a 12 anos.

Fonte: Peter Philipp (gh) / DW

Como anda sua empresa?



PLANEJAMENTO E GESTÃO ESTRATÉGICA COMPETITIVA


1)- Qual o real potencial de minha empresa??

2)- Minha clientela é fiel?

3)- Meu lucro reflete todo trabalho e recursos aplicados na empresa?

4) Conheço meu mercado potencial?

5)- Qual o percentual que atinjo do  mercado em potencial?

6)- Tenho os produtos e serviços  que o mercado precisa?

7) Como meus clientes avaliam meus produtos e serviços ?

8) Como meus concorrentes avaliam a minha empresa?

9)- O que  posso agregar no meu negocio para aumentar minha lucratividade?

10)Minha empresa já atingiu todo seu potencial?

11) Estou feliz com os resultados da empresa e com a qualidade de vida que ela me propicia?

Se alguma destas questões o intrigou ou incomodou, entre em contato conosco pelo e-mail ou pelo telefone (27) 9 88118305

Sucesso

Rogério Brasil

DAAD - Aberta seleção para master na Alemanha

O DAAD abriu inscrições para a seleção de bolsistas para o Programa de Pós-graduação em Temas com Relevância para Países em Desenvolvimento 2012-2014. Nesta edição do programa, são oferecidos 43 cursos de master em diferentes áreas: gestão e política econômica, planejamento regional, engenharia e ciências próximas, ciências agrícolas, florestais e ambientais, matemática, saúde, ciências sociais, educação, direito e mídia.

Três novos cursos foram incluídos nesta nova seleção: Water Resources and Environmental Management, na Universidade de Hannover; Health and Society: Gender and Diversity, na Universidade Médica Charité de Berlim; International Media Studies, na Hochschule Bonn-Rhein-Sieg em parceria com a DW-Akademie (Academia da Deutsche Welle). Dois outros deixaram de fazer parte do programa. A lista completa, tanto dos cursos oferecidos quanto dos pré-requisitos exigidos, pode ser conferida no site brasileiro do DAAD:

Os candidatos devem enviar a documentação para o escritório do DAAD no Rio de Janeiro até 31 de julho de 2011, mas também têm a possibilidade de encaminhar os documentos para o DAAD em Bonn até 31 de agosto ou ainda diretamente para as universidades, neste último caso com data de chegada até 15 de outubro.

Na última seleção, dos 40 brasileiros que se candidataram, nove foram contemplados com bolsas de estudos. Dois deles realizarão o master na Universidade de Magdeburg, enquanto os demais seguirão para cursos nas universidades de Leipzig e Freiburg, na Universidade de Ciências Aplicadas de Colônia (FH Köln), nas universidades técnicas de Dresden e Darmstadt. Também há um estudante selecionado para o Instituto de Tecnologia de Karsruhe (KIT) e outro para o convênio entre a Universidade de Göttingen e a Universidade de Talca, no Chile.

Fonte: DAAD